Carta aberta à população

Se nada for feito, a população de minas ficará sem atendimento nos hospitais!

Publicado em quarta-feira, 11 de julho de 2018 às 10:44
Tags:
Tamanho da fonte

Os hospitais filantrópicos são responsáveis por mais de 70% das internações pelo Sistema Único de Saúde de Minas Gerais. Mesmo com tamanha importância essas instituições enfrentam grande dificuldade financeira para manter o funcionamento. O dinheiro do Sistema Único de Saúde (SUS) para manter essas instituições funcionando não é suficiente para cobrir todos os gastos, além disso, o Governo de Minas está atrasando o repasse financeiro de importantes programas para garantir a assistência à população. Mas, a Federassantas, entidade que representa as mais de 320 instituições filantrópicas de saúde no estado, está lutando e trabalhando intensamente para tentar reverter este descaso e despeito em relação ao direito à saúde do cidadão.

Em carta, médicos do Hospital São José notificam a instituição sobre paralisação do atendimento

Medida poderá ocorrer a partir de 1.º de agosto devido a atrasos no pagamento dos honorários e redução da tabela de serviços médicos em 25%

Publicado em terça-feira, 03 de julho de 2018 às 15:05
Tags:
Tamanho da fonte

A Diretoria do Hospital São José recebeu notificação dos médicos que prestam serviços na instituição, informando que a partir de 1.º de agosto de 2018 os profissionais deverão paralisar suas atividades, em decorrência do atraso no pagamento dos honorários de setembro a dezembro de 2017 e janeiro de 2018, além da redução em 25% na tabela de plantões médicos, firmada com prazo de validade de seis meses e que vencerá no mês de julho corrente. A advogada do HSJ e presidente da Federação das Santas Casas e Hospitais Filantrópicos do Estado de Minas Gerais, Kátia Regina de Oliveira Rocha, durante coletiva de imprensa na manhã de terça-feira, 03, esclareceu que conversou de forma exaustiva junto com a Diretoria do HSJ a respeito do assunto e que não é desejo do hospital que tal situação ocorresse. Afirmou, com clareza, que a razão de ser do hospital é atender o sistema público de saúde, acolher a sociedade que precisa do serviço público de saúde. “Mas, nós vivemos uma situação de ausência dos recursos. Não adianta querer e não ter condições de executar o serviço. O hospital não deseja parar. Nós, ontem, buscamos o Ministério Público, confiamos no trabalho do Ministério Público, no Poder Judiciário. Então, precisamos buscar esse reequilíbrio e que o Estado pague a sua conta para com o Hospital São José”, explicou.  Ao todo, a dívida geral do Hospital São José é de R$ 7 milhões, sendo que apenas o Estado de Minas Gerais está faltando com pagamentos de convênios desde 2017, com um total acumulado de aproximadamente R$ 2 mi.

Hospital São José recebe mais de duas toneladas de alimentos arrecadados durante a Expocap

Publicado em terça-feira, 26 de junho de 2018 às 16:05
Tags:
Tamanho da fonte

A Diretoria do Hospital São José e a Comissão de Voluntários receberam, na tarde de sexta-feira, 22 de junho, mais de duas toneladas de alimentos (2.125 kg) que foram arrecadados durante a Expocap, numa ação conjunta entre a Prefeitura, Sindicato dos Produtores Rurais e Câmara Municipal de Capinópolis. A doação foi entregue ao presidente do HSJ, Vicente Pereira da Silva, pelo prefeito de Capinópolis, Cleidimar Zanoto e seu vice-prefeito, Jaisson Souza. Para a voluntária Zeni Aparecida de Oliveira, que está na coordenação da captação dos alimentos para a instituição, estão de parabéns o prefeito Cleidimar e todas as pessoas que têm a iniciativa de ajudar o próximo, especialmente os menos favorecidos.

Vicente Pereira é reeleito presidente do Hospital São José

Publicado em segunda-feira, 11 de junho de 2018 às 18:01
Tags:
Tamanho da fonte

Dia primeiro de junho, às 19h, a nova Diretoria do Hospital São José foi empossada para o biênio 2018-2020. A solenidade foi realizada no saguão do refeitório do HSJ, onde o presidente Vicente Pereira da Silva foi reeleito. “Peço orações, porque o hospital está passando por momentos difíceis. Mas, com trabalho e confiança, isso vai passar”, pronunciou, emocionado.

Logo no início dos trabalhos, a vicentina Maria Helena Morais Silva, da Conferência São Thiago da SSVP de Ituiutaba, fez a leitura de uma mensagem deixada por Antônio Frederico Ozanan,

Hospital São José toma providências para garantir o atendimento de urgência e emergência

Publicado em sexta-feira, 25 de maio de 2018 às 20:18
Tags:
Tamanho da fonte

Devido a paralisação dos caminhoneiros, o Hospital São José da Sociedade de São Vicente de Paulo comunica que, por precaução, suspenderá a realização das cirurgias eletivas temporariamente.

O motivo deve-se à possibilidade da falta de materiais, como medicamentos, produtos para esterilização, itens de higiene e limpeza, dentre outros já adquiridos pelo HSJ e que, por motivo da paralisação, encontram-se em trânsito sem possibilidade de entrega. 

Esclarecemos que a medida visa garantir o atendimento aos casos de urgência e emergência. Informamos que a Diretoria do Hospital São José está monitorando toda a situação, para garantir da melhor forma o atendimento. 

 

Atenciosamente,

 

Diretoria do Hospital São José.

| 12 | 13 | 14 | 15 | 16 | 17 | 18 | 19 | 20 |
Processando...